domingo, 23 de agosto de 2009

Descoberta

Aconteceu uma intrigante novidade no meu jardim; o ano passado coloquei na terra um pedaço de rizoma de gengibre que tinha começado a germinar na minha cozinha, ele foi crescendo, crescendo, igualzinho às conteiras ou rocas de velha tão cumuns e invasoras da flora açoriana, que são elas também da família das Zimziberáceas, julgo que não seja muito numerosa esta família, pessoalmente só conheço a curcuma, o gengibre e a conteira, só tinha visto o gengibre em flôr no Eden project na Cornualha e estava convencida que eram brancas...eis quando senão o meu pé de gengibre decidiu também presentear-me com uma belíssima e docemente perfumada flôr IGUALZINHA às que eu me tinha farto de ver nos Açores...fiquei um pouco baralhada mas como sou uma mulher de convições firmes e tenho a certeza absuluta que o que coloquei na terra foi gengibre, cheguei à conclusão de que ambas flôres são mesmo iguais, ou terá acontecido aqui algum mistério botânico que está para além dos meus sentidos cognitivos?


Se algum botânico houver por aí que saiba desvender este mistério eu agradeço.